Em Macapá, a saga de um cadeirante no bairro Marabaixo 4

O cadeirante Cleiton Castro da Silva, 38, residente no bairro Marabaixo 4 (Jardim América), zona oeste de Macapá, passa por uma verdadeira prova de esforço e superação todos os dias para chegar até o terminal de ônibus. O morador é obrigado a transitar com sua cadeira de rodas por dentro várias poças de água e lama até chegar a parte seca da rua.

Segundo Cleiton Castro, a situação no Marabaixo 4 está crítica. “O bairro está abandonado há muito tempo. As mazelas no Marabaixo 4 vão além das péssimas condições de nossas ruas e avenidas neste período de inverno”. Declarou.

O morador diz que todo período de inverno, aproximadamente 5 mil famílias residentes no Marabaixo 4, sofrem com o isolamento por conta das precárias condições das ruas.

“Levo em torno de 30 a 40 minutos no trajeto de casa até o terminal de ônibus. Minha cadeira de rodas fica completamente suja e eu fico muito cansado do esforço que faço para enfrentar a lama todos os dias”. Disse Cleiton.

Cleiton reclama também da ausência das autoridades públicas no bairro. Ele chama atenção dos vereadores, deputados estaduais, deputados federais e senadores para que visitem mais o Marabaixo 4 e busquem soluções para os problemas.

O cadeirante enumera outros problemas no Marabaixo 4. Como por exemplo, a falta de segurança pública, asfaltamento, energia elétrica, linha de ônibus, creches e escola municipal.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *