Vereadores de Macapá querem terreno da União para construção do novo prédio do legislativo.

Um grupo de vereadores de Macapá, capital do estado do Amapá, estive reunido na tarde desta segunda-feira (27), com o juiz federal João Bosco Soares, responsável pela 2ª Vara da Justiça Federal no Amapá.
 
Os parlamentares vieram pedir à Justiça Federal, apoio no sentido da doação de uma área de propriedade da União, para a construção do novo prédio da Câmara de Vereadores de Macapá.
 
O vereador Acácio Favacho (PROS), que preside a CMM, disse que as instalações do parlamento não comportam a nova estrutura do legislativo municipal. “O nosso prédio tem 30 anos. A cidade cresceu, assim como o número de vereadores e precisamos ampliar nossa infraestrutura para melhor receber os nossos munícipes”, argumentou Favacho.
 
João Bosco Soares, disse aos parlamentares que vai tomar mais informações sobre a área federal, em Macapá, destinada a construção de prédio institucional. Ele colocou como alternativa, a existência de uma área no bairro Alvorada (área H), que poderia ser disponibilizada para tal construção. “Outra alternativa seria uma reunião com a Dra. Liely Gonçalves, da Superintendência do Patrimônio da União no Amapá (SPU/AP), sobre outras áreas disponíveis às margens da rodovia Norte-Sul”, acrescentou o juiz federal.
 
Ficou acertado uma nova reunião, em data a ser definida pela Justiça Federal, com a presença dos vereadores, representantes da SEINF e da SPU/AP.
 
Participaram do encontro, os vereadores Ruzivan Pontes, Gian do Nae, Auciney Maciel, Diogo Senior, Japão Baia, Odilson Nunes, Claudio Góes, Rayfran Beirão e Bruna Guimarães.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *