Impostos respondem por até 70% do preço dos produtos típicos da Páscoa

Os impostos podem responder por mais da metade do preço dos produtos típicos da Páscoa. Foi o que mostrou pesquisa do Instituto Brasileiro de Planejamento e Tributação.

O campeão, do ponto de vista negativo, é claro, foi o vinho. Já que de cada R$ 10 gastos com a bebida, em média R$ 6,97 são impostos, se o produto for importado, e R$ 5,47, se for nacional.

Na segunda posição aparece o bacalhau importado. Que até por conta da alta do dólar, deve ser trocado por outro peixe, por muita gente. Nesse caso, de cada R$ 10, em média R$ 4,37 são impostos.

E nem o chocolate é capaz de adoçar a vida do consumidor. Seja no caso dos ovos, da colomba pascal, dos bombons ou até do chocolate em si, como uma barra, por exemplo, a carga tributária fica entre 37 e 39%.

E pra quem não quer fazer comida em casa, no domingo de Páscoa, vale o alerta: ao ir a um restaurante, 32% do que se paga vão para o governo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *